Saúde e Bem-estar

A importância dos exercícios para gestantes

Atualizado em: 29/11/22 | Assistência ao parto, Obstetrícia

A importância dos exercícios para gestantes

As sociedades médicas recomendam os exercícios para gestantes como forma de prevenir o ganho excessivo de peso e diversas doenças, como diabetes gestacional e pré-eclâmpsia. Além disso, a prática melhora, consideravelmente, a qualidade de vida das grávidas. Entre outros benefícios, destacam-se a maior disposição e a redução da dor lombar.

No Espaço Binah incentivamos a gestação ativa sempre que possível. Neste artigo, mostramos sua importância e quais são os melhores exercícios para cada trimestre gestacional. Veja, também, os principais cuidados a ser adotados. Boa leitura!

 

Qual é a importância dos exercícios para gestantes?

 

Os exercícios para gestantes possibilitam a manutenção ou, até mesmo, a melhora da aptidão física, beneficiando a saúde como um todo. Mas, para isso, devem ser realizados moderadamente. Dessa forma, não trazem nenhum perigo à gravidez.

Por outro lado, se praticados intensamente, podem levar ao resultado oposto. Isso porque, as gestantes têm maior risco de sofrer lesões nas articulações e quedas. Sem falar nos temidos traumas abdominais, os quais podem levar a algumas complicações.

 

Como se exercitar adequadamente durante a gestação?

 

Antes de começar a treinar, as gestantes precisam ser avaliadas pelo obstetra. O médico irá verificar se existem contraindicações — gerais e obstétricas — à prática dos exercícios físicos. Por exemplo: mulheres com alto risco de parto prematuro são aconselhadas a diminuir o nível dos treinos no segundo e no terceiro trimestres.

Assim, a frequência, duração e intensidade dos exercícios para gestantes dependem de fatores individuais. Mas, de maneira geral, para mulheres previamente ativas e sem complicações associadasindica-se combinar exercícios aeróbicos e de resistência muscular:

  • entre cinco e sete dias por semana;
  • 30 minutos por dia;
  • de forma moderada, ou seja, que possibilite conversar durante o treino.

 

Já para as mulheres previamente sedentárias, as recomendações são diferentes. No caso delas, indica-se treinar:

  • três vezes por semana;
  • 10 a 20 minutos por dia;
  • com baixa intensidade, aumentando a frequência e a duração gradativamente.

 

Por último, no caso das mulheres habituadas a treinar de forma vigorosa, recomenda-se buscar manter um bom nível de condicionamento. No entanto, não devem atingir seu potencial máximo ou participar de competições.

 

Quais exercícios são indicados a cada trimestre de gestação?

 

Existem diversas opções de exercícios para gestantes, os quais buscam melhorar sua capacidade cardiorrespiratória e a aptidão musculoesquelética. Assim, pode-se combinar atividades como natação, ciclismo, dança, remo, caminhada ou corrida à musculação ou ao pilates. Geralmente, uma sessão de treino típica inclui:

  • 5 a 10 minutos de aquecimento e alongamento;
  • 30 minutos do programa de exercícios escolhido;
  • 5 a 10 minutos de resfriamento e alongamento.

 

A seguir, veja quais são os melhores exercícios para gestantes a cada trimestre.

 

Treino no 1º trimestre

 

Além de um exercício aeróbico, indica-se o treino de força com pesos livres e/ou em máquinas, sempre com cargas baixas e mais repetições. O fortalecimento da musculatura do assoalho pélvico é particularmente importante, pois ajuda na hora do parto e previne a incontinência urinária.

No entanto, nesses primeiros meses, os sintomas comumente provocados pelas alterações hormonais (mal-estar, náuseas e vômitos, assim como sonolência e indisposição) podem desestimular a prática esportiva. Ainda assim, é muito importante encontrar formas agradáveis de se exercitar e se manter ativa!

 

Treino no 2º trimestre

 

Esse é considerado o melhor período da gestação para treinar. No seu decorrer, os exercícios aeróbicos e de resistência muscular continuam sendo indicados.

Porém, a partir dessa fase, deve-se evitar os movimentos realizados em posição supina ou decúbito dorsal (deitada com a barriga para cima). Esses podem ser substituídos por similares realizados com o tronco inclinado a 45 graus, deitada de lado, sentada ou em pé.

 

Treino no 3º trimestre

 

Os exercícios aeróbicos continuam imprescindíveis, ainda que a intensidade tenda a diminuir. Para facilitar, faça adaptações. Por exemplo, a bicicleta ergométrica tradicional (vertical) pode ser trocada pela horizontal. O treino de força, por sua vez, deve ser mantido com os limites definidos no trimestre anterior.

 

Quais cuidados as gestantes devem tomar ao se exercitar?

 

Beber água é um cuidado básico e essencial. Afinal, a manutenção da hidratação adequada possibilita o equilíbrio térmico durante os treinos, evitando a hipertermia, a qual aumenta o risco de problemas no tubo neural.

Outra medida imprescindível é se alimentar de maneira saudável e balanceada, considerando o gasto calórico dos exercícios. A reposição de nutrientes é importante para evitar os sintomas de hipoglicemia, bem como garantir o desenvolvimento adequado do bebê.

Além disso, deve-se evitar esportes de contato, mergulhos e atividades físicas com risco aumentado de quedas e/ou traumas. Dessa maneira, previne-se possíveis danos fetais por lesões maternas.

Tomando esses cuidados, os exercícios para gestantes são benéficos e indispensáveis. Lembre-se, apenas, de conversar a respeito com seu obstetra na primeira consulta do pré-natal. Depois, siga suas orientações e, se possível, conte com o apoio de uma equipe multidisciplinar, a qual inclua educador físico e nutricionista.

Caso haja alguma dúvida sobre o assunto, entre em contato. Aproveite, também, para seguir o Espaço Binah no Facebook e no Instagram e aproveite nossas dicas!

Ginecologista, obstetra e diretor técnico do Espaço Binah - CRM/SC 13.883 | RQE: 9909

VEJA TAMBÉM

Existem alimentos que ajudam na saúde íntima?

Sim! Existem alimentos que ajudam na saúde íntima feminina, atuando na prevenção de infecções, alívio de cólicas menstruais, entre outros…
29 de dezembro, 2023

A importância do aleitamento materno para o bebê

O aleitamento materno oferece toda nutrição que o bebê necessita para crescer pleno e saudável. Por isso, recomenda-se que a amamentação de nascidos a…
29 de dezembro, 2023

Quanto tempo dura o puerpério e quais as mudanças esperadas?

Algumas pessoas ficam em dúvida sobre quanto tempo dura o puerpério. Trata-se do período que corresponde aos primeiros 40 dias após…
29 de dezembro, 2023